quarta-feira, julho 30, 2008

preparar as férias


porquê um livro sobre a filosofia e 'seinfeld'? como é que a filosofia, uma disciplina que é mais ou menos «uma teoria geral de tudo», se encaixa com um programa que afirma ser «sobre nada»? bem, nem sempre o tudo e o nada estão completamente afastados! o «nada» com que 'seinfeld' lida é definitivamente alguma coisa que, por vezes, é filosófica. a comédia televisiva mais popular dos anos 90 conseguiu chamar a atenção para os acontecimentos diários da vida de uma forma pouco habitual, realçando os seus lugares comuns e mundanos, e chamando a nossa atenção para coisas que nos passam despercebidas. sócrates dizia que «a vida que não é examinada não vale a pena ser vivida». as personagens de 'seinfeld' examinam certamente as suas vidas, apesar de se duvidar que sócrates aprovasse muito as suas vidas ou as suas análises! em "a filosofia segundo seinfeld", treze fãs da série, que por acaso também são filósofos catedráticos, examinam com determinação e paixão as ideias, as histórias, o humor e as personagens de 'seinfeld'- sinopse do livro "a filosofia segundo seinfeld", de william irwin, que comprei hoje, perfeito para aquelas manhãs e tardes de ócio na praia.

a segunda parte da terceira série de "entourage", que em portugal tem o nome de "vidas em hollywood"no circuito de dvd e de "a vedeta" quando passou recentemente na sic, é essencial para alguém, como eu, totalmente viciado nesta série e que quer, mesmo que isso implique fazer apenas uma refeição por dia, ter a série completa lá em casa. como se ainda faltassem argumentos, estou ainda mais motivado para ver esta segunda parte da terceira série porque nela entra a actriz carla gugino, que sigo com atenção desde os tempos de "spin city", em que interpretava a namorada de michael j. fox.

tenho a impressão de que vou gostar bastante destas férias...

2 comentários:

Gabriela disse...

férias? que férias?
segunda começa a correria de novo.
beijão zé, saudades.

Mariana disse...

Eu gostava muito da serie Seinfield, mas só a parte da serie e não os monólogos dele.
Me lembro dum capitulo onde ela fez uma parte muito engraçada com oculos de sol, e gostei tanto que depois assisti a sua própria serie que se chamava "The New Adventures of Old Christine".