quinta-feira, janeiro 10, 2008

dois anos de "nuvens da alma"


em entrevista exclusiva à revista "visão", isaac davis (na foto ao lado) evidencia uma clara satisfação pelo patamar atingido pelo "nuvens da alma": o segundo aniversário. o administrador do blogue admite, no entanto, que ainda poderia ter ido mais longe, nomeadamente ao quarto aniversário. para tal, bastaria ter criado o blogue dois anos antes, o que não se verificou. assim, o dia 10 de janeiro de 2006 marcou o nascimento de um dos blogues mais lidos no cazaquistão e no bangladesh. aliás, esse dia passou a constituir feriado nacional naqueles países, saindo o povo à rua em manifestações de júbilo, a comer jubileus, acompanhados pelo júbilo isidro. é ainda inegável e, ao mesmo tempo, difícil de entender, a forte influência dos artigos de isaac davis junto da comunidade piscatória de setúbal e peniche. arlindo barradas, pescador setubalense, refere que os barcos nunca entram no mar antes de uma leitura em grupo, em voz alta, do post "ócio duro de roer", de outubro de 2007. outro bom exemplo da importância social do blogue, que abrange áreas diversas como economia, desporto e a lanificação, é o protocolo com o instituto nacional de meteorologia. desde março de 2006 que aquele instituto, para além do estudo dos movimentos e fenómenos da atmosfera terrestre nas suas relações com o tempo e o clima, com o fim de efectuar a previsão do tempo, por medições de temperatura, precipitação, velocidade e direcção do vento, se debruça igualmente sobre o estudo das nuvens da alma, criando um novo boletim diário televisivo com conselhos sentimentais, com as previsões para a semana, no amor, trabalho e saúde, e os números da sorte para jogar no euro milhões.
seguem-se alguns excertos da curta entrevista da "visão" a isaac davis:
visão - como surgiu a escolha do nome isaac davis?
isaac davis - olhe, ainda bem que me faz essa pergunta. estava à espera de perguntas mais difíceis. com essa pergunta até parece que estou a ser entrevistado pela "tv 7 dias".
visão - sim, mas importa-se de responder, por favor.
isaac davis - claro. escolhi isaac davis porque é o nome da personagem de woody allen num dos meus filmes preferidos, "manhattan".
visão - preferiu, portanto, refugiar-se no anonimato...
isaac davis - sim, o povo gosta de coisas misteriosas. não se lembra do livro "o meu pipi"? aquilo tinha ainda mais piada porque ninguém sabia quem era o autor.
visão - mas no seu profile tem informações muito específicas sobre a sua identidade...
isaac davis - ó meu amigo, o que há mais em viseu são paginadores, com 35 anos. nós até temos uma associação, fazemos excursões para ir ver os jogos de futebol do portimonense, temos torneios de ténis de mesa todos os meses e estamos nesta altura a vender umas rifas para ver se conseguimos comprar uma carrinha em segunda mão, uma nissan vannete, com 80.000 kms, de sete lugares, para a nossa equipa de futsal.
visão - até agora, qual foi o momento mais alto do "nuvens da alma"?
isaac davis - foi quando fui ao piódão (julho de 2007). fartei-me de ter vertigens.
visão - pensei que ia escolher o dia em que um post seu veio transcrito no jornal "público", em março de 2007.
isaac davis - meu amigo, até os textos da constança cunha e sá e do vasco pulido valente saem no "público"...
visão - está satisfeito com os números obtidos até agora?
isaac davis - instalei o extreme tracking apenas em março de 2007 e só a partir dessa altura comecei a ter alguma noção de quantas visitas diárias tinha. antes, baseava-me apenas no número de comentários. mas confesso que fiquei surpreendido com os números, não estava à espera de tanto. tenho pena de não ter instalado, logo no início, o contador de visitas, porque em 2006 tinha muitos comentários no blogue, logo muitas visitas. curiosamente, quando o instalei, o número de comentários caiu imenso. enfim...
visão - não tem medo de ficar, repentinamente, sem assunto para escrever?
isaac davis - tenho, disso e de aranhas.
visão - e de perder os seus leitores?
isaac davis - disso não tenho, enquanto a minha mulher viver comigo, tenho sempre alguém a quem impingir os meus textos, se bem que começo a desconfiar da sua solicitude. ontem, por volta da meia-noite, pedi-lhe para ler um texto e ela disse que não podia porque tinha que ir tirar o leitão do forno e dar de comer aos gatos. e nós nem sequer temos animais domésticos.
visão - música, cinema, televisão e futebol são temas recorrentes no seu blogue. vai manter a mesma ideologia ou vai alterar alguma coisa nos próximos tempos?
isaac davis - vou tentar diversificar mais os temas, entrando por outros domínios, como a indústria de cabedais na noruega, a caça à baleia em alto mar e a jardinagem. vou ainda tentar, ainda não sei bem como, oferecer um café a todas as pessoas que entrem ao "nuvens da alma". se ficarem mais de trinta minutos a ler, ofereço também um queque de laranja, da dan cake.
visão - em fevereiro vai receber, na república dominicana, o prémio de "melhor blogue internacional com nuvens no título e escrito por alguém chamado isaac". o que vai dizer aquando dos agradecimentos?
isaac davis - é claro que vou agradecer a muita gente. desde logo a todos os blogs que têm um link para o "nuvens", dos quais destaco, pelo número de visitas de lá oriundas, o passagem estreita, o devaneios cor do céu, um nome qualquer, astro que flameja, a lasciva, 9-9 e o gato zarolho. uma palavra especial ainda para paulo bento, purovic, bem como a toda a equipa do sporting, francisco penim, teresa guilherme (aquela cena da nova novela da sic, que eu apanhei por acaso, em que ela se "enrola" com o jorge corrula, ainda hoje me causa náuseas e vómitos), santana lopes, fátima felgueiras, alberto joão jardim, joe berardo e luís filipe vieira, pelo material e pela inspiração.
visão - por último, qual a sua maior ambição para 2008?
isaac davis - caramba, mais uma pergunta difícil ao estilo da "tv 7 dias". a minha principal ambição para este ano é cimentar a posição do "nuvens da alma" no top cinco dos blogues mais visitados no quénia, chipre e arménia. infelizmente, a minha outra ambição para este ano foi por água abaixo, devido ao cancelamento do lisboa dakar. eu queria ganhar a edição deste ano, no meu ford fiesta de 1998. é pena! era uma excelente forma de divulgar, naquele nicho de países africanos, o meu blogue. mas enfim, quem fica a perder são eles. a mauritânia seria um país totalmente diferente...

7 comentários:

Anónimo disse...

deverias agradecer a muito mais gente pela inspiração...
mas gostei imenso do texto de aniversário, bem ao teu estilo (entenda-se não estilo de escrita porque isso é óbvio até para quem não te conhece).
mas o I. Davis é filho de um peixe que sabe nadar e um espelho do seu... vou chamar-lhe... progenitor.
Fica por ai!
Ah! e parabéns. não por teres um blog há dois anos... mas por o fazeres com sucesso.

isaac davis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Hugo disse...

a mim ninguém dá prémios, também quero ir à republica dominicana receber um!

(aquela cena (vi uns 30 segundos mas chegou) da teresa guilherme é do pior que já vi em tv)

e parabéns pelos 2 anos!

tulipa_negra disse...

excelente! parabéns pelo post e pelo aniversário!

é um prazer vir aqui ler-te

beijocas

Em Bicos de Pés disse...

Muitos parabéns, pelo texto e pelo aniversário.

Cláudia Faro Santos disse...

és o meu herói.

un tocco di zenzero disse...

dois anos...
ainda lemos as nossas almas...
é um prazer nao sentirnos sozinhos...saber que, no momento en que abro o teu blog,tu estas alì.. e eu posso falarte...
é um prazer compartir pensamentos, palavras,musica...
Parabéns por tudo...e tambem para ser o que es...