quarta-feira, fevereiro 21, 2007

carnavalenada


não há altura do ano em que sinta mais vergonha de ser português do que no carnaval. é constragedor ver todos os anos as mesmas imagens, os mesmos bombos da festa (políticos, dirigentes desportivos), as mesmas vestimentas, tudo isto embrulhado num cenário kitsch, a roçar o teatro de revista, emoldurado pelo mesmo factor de sempre: o frio. sim, porque o carnaval nacional é no inverno mas o povinho insiste em descascar-se todo como se estivesse no brasil, no pico do verão. é penoso ver dezenas de mulheres a tentar sambar como as brasileiras (o que geralmente nunca conseguem), enquanto rapam um frio do camandro, apanham chuva, etc..
e ainda há outro pormenor que sempre me intrigou: no carnaval português, e apesar do frio, as mulheres têm tendência, natural, para vestirem pouca roupa, destapando deliberadamente o corpo de maneira a ficarem mais sexy's, mais vistosas, mais apelativas a quem as observa durante o corso carnavalesco. e o que fazem os homens portugueses durante o carnaval? vestem-se de mulher... está tudo dito!

2 comentários:

A. Duarte Lázaro disse...

lolololol
o teu raciocínio final está 5*
para mim, este carnaval foi para tirar máscaras... e não é que gostei?

tulipa_negra disse...

também cada vez acho menos piada a esta época... ainda mais quando nos telejornais as reportagens do "carnaval mais português de portugal" está recheado de mulheres semi-nuas (que só podem estar anestesiadas com alguma substância ilícita) e ao som de música brasileira!

beijocas